Reality show é a atração mais pop da televisão brasileira


Brasileiro adora reality show! Desde que surgiu na televisão brasileira, o formato de programa que envolve vida real e show tem cativado o público da TV aberta e fechada e essa paixão, teve gerado bons frutos para emissoras que investem cada vez mais. No entanto, nós acabamos saturando da mesma coisa e eis que vem novidades e tudo começa mais uma vez. 

Neste post vamos falar dos reality shows mais pop aqui no Brasil. E para deixar a coisa bem arrumada, vamos separá-los em categorias: os confinamentos, competições musicais e outros bem específicos.

Reality Shows de confinamentos

Casa dos Artistas


Em 2001 o SBT parou o Brasil com o lançamento do reality show A Casa dos Artistas, o primeiro sobre confinamento de pessoas em uma casa rodeada por câmeras. O sucesso foi tão grande que até a Globo entrou no meio da história, só que impedindo a exibição do programa por conta de roubo de direitos autorais. E a justiça brasileira ainda cedeu, tirando o programa fora do ar por um dia, mas a verdade prevaleceu e A Casa dos Artistas não foi considerada cópia do Big Brother Brasil (que na época ainda estava em projeto para ser estreado na Globo). 


A Casa dos Artistas foi líder de audiência em sua primeira edição, dando um prêmio de 100 mil reais a atriz Barbara Paz e muitos lucros ao SBT. Ainda na emissora do tio Silvio, o reality show teve mais edições: com ator, com fãs, com gordos e etc.

Big Brother Brasil


A Globo ficou com raivinha mesmo do SBT quando estreou a Casa dos Artistas, mas nem por isso perdeu audiência na primeira edição do BBB. Isso por que o brasileiro adorou o formato de reality show de confinamento de pessoas. A prova disso é que só em Big Brother Brasil são 17 edições.



O Big Brother é uma franquia de fora, que surgiu na Holanda e teve edições ao redor do mundo em diversos países. Aqui no Brasil o sucesso foi tamanho, que o programa se reinventou e hoje serve de modelo para outros países copiar nossas ideias e adaptações.

A Fazenda


A Record não ficou para trás no quesito reality shows de confinamentos. Anos depois da Casa dos Artistas, a emissora do bispo lançou um A Fazenda, também recheado de artistas, famosos e subcelebridades que tomavam conta de um rancho cheio de bichos e da audiência da emissora, que logo foi sucesso nacional.


Em 08 edições de A Fazenda, teve ano em que o brasileiro pode curtir a competição das emissoras Globo e Record com seus reality shows de confinamento. Tiveram dias que ambos eram exibidos no mesmo horário para medir forças mesmo.

Reality Shows Musicais

Na realidade, o nome mais apropriado a esse tipo de reality show é talent show. O objetivo é revelar talentos artísticos para o Brasil e em torno deles, as emissoras criam todo o espetáculo.

Popstars


Novamente o SBT saindo na frente das emissoras que exibem reality show no Brasil. No quesito reality shows musicais, a emissora do tio Silvio Santos exibiu em 2001 o programa Popstars, responsável por revelar a mais famosa girl band brasileira, as meninas do grupo Rouge, que fizeram sucesso com a música do 'aserehe' e deixaram todo mundo possuídos pelo ritmo Ragatanga.


O reality show Popstars teve também a versão masculina, a procura de  rapazes que desejassem montar uma boy band. Eis que do programa no SBT surgiu o grupo Br'oz, aqueles que foram um sucesso nacional com a música "Prometida". Sim! Sim! Sim! 


Fama


A Globo não ficou muito atrás e em 2002 lançou o programa Fama, apresentado por Angelica e Toni Garrido, vocalista do grupo Cidade Negra. O reality show tinha o objetivo de formar um grande artista musical brasileiro a partir do talento vocal dele junto com o preparo técnico do programa. Assim como Big Brother Brasil, os cantores tinham suas rotinas filmadas e mostravam eles recebendo aulas de canto, teoria musical, interpretação, entre outras mais.


Foram 04 edições do Fama até a Globo se tocar de que a mistura de calouros do Raul Gil com Big Brother Brasil não tinha cativado o público. Mas demorou quatro temporadas por que a Globo gosta de insistir pra mostrar que deu certo. A Globo nunca erra! Mas deste talent show saíram grandes nomes da música brasileira, como Wanessa Jackson, Tiaguinho, Marina Elali, Pedro e Tiago, Cídia e Dan...

Ídolos


Lá vem o SBT mais uma vez exibindo algo novo para o público da televosão aberta brasileira. O sucesso mundial do programa Ídolos começou no SBT em 2006 e teve duas temporadas na emissora do Silvio Santos até os direitos de exibição serem comprados pela Record em 2008, para dar continuidade ao sucesso do reality show musical até 2012. Daí pra cá, não teve mais edições. Saturou...


Depois que foi pra Record, o SBT ainda criou o Astros, baseado no mesmo formato do Ídolos (Brasil) e quando viu que o público estava saturado desse formato, começou a incluir outros tipos de artistas, além de músicos, pra incrementar a atração. Algum tempo depois, recriaram o programa com o título Qual é o seu Talento?, uma versão SBTezada do America's Got Talent.


Em todas as edições, a versão brasileira do American Idols revelou os cantores Leandro Lopes, Thaeme (da dupla com Tiago), Rafael Barreto, Saulo Hoston, Shirley Carvalho, entre outros.

The Voice Brasil


Atualmente o reality show mais pop é o The Voice, exibido na Globo. O programa também é uma franquia criada na Holanda e que tem a versão americana a mais famosa de todas. Mas faz bastante sucesso no Brasil com Claudia Leitte, Carlinhos Brown, Lulu Santos e outro cantor de sucesso (seja Daniel, Michel Teló...)


A versão The Voice Kids para crianças cantora chega a fazer mais sucesso ainda na televisão brasileira. Não sei se por conta da graça de Ivete Sangalo na edição, ou das fofuras das crianças que cantam e encantam a todos.

The X Factor Brasil


A Band dessa vez não ficou atrás com seu The X Factor Brasil. A produção milionária foi bem executada e fez bonito na TV brasileira, com Rick Bonadio, Alinne Rosa e Paulo Miklos no comando do juri e Fernanda Paes Leme na apresentação.


No mundo, a franquia The X Factor é veiculada desde 2004 e nos agraciou com grandes lives de artistas pop mundial e revelou grandes cantores como o grupo One Direction, Little Mix, Olly Murs, Leona Lewis, Cher Lloyd entre outros e na versão brasileira teve Christopher Clark como vencedor. 

Reality Shows específicos

Quando perceberam que o formato de reality show fazia muito sucesso no Brasil, as emissoras tacaram o pau a fazer e a trazer novidades para a televisão aberta. De 2000 pra cá veio uma enxurrada de novos programas reinventando a televisão brasileira e junto com a internet, elas tem se tornado cada vez mais influentes na vida do telespectador. Confira alguns reality shows sobre conteúdos específicos.

No Limite


A Globo trouxe em 2000 o clássico No Limite para provar a resistência física do brasileiro colocou um grupo de pessoas em florestas e praias do Ceará, Pará e Mato Grosso para submetê-los a provas de resistência física, psicológica e até emocional. O último que ficasse seria o ganhador.


O reality show foi inspirado no programa Survivor. E aqui no Brasil teve três edições, dando uma pausa em 2002 e sete anos depois, ganhando mais uma edição em 2009, sob o comando de Zeca Camargo.

Troca de Famílias


Quando a Record ainda era terceiro lugar na audiência, ela começou a investir em atrações novas, que não eram comuns de ver na TV brasileira e os reality's shows lhe caíram como uma luva. Foi o caso do Troca de Famílias, estreado em 2004.


Assim como quase todos os realitys shows do Brasil, Troca de Famílias é uma versão de um reality americano. No caso, Trading Spouses (troca de esposas). No Brasil, assim como lá fora, uma mãe trocava de lugar com outra para experimentar o que era viver na família do outro. Muitas vezes, o programa colocavam realidades diferentes e isso deu muita audiência a Record.

Simple Life: Mudando de vida


Simple Life: Mudando de Vida foi um reality show brasileiro exibido pela Record em 2007. O programa é baseado no americano The Simple Life, protagonizado por Paris Hilton e Nicole Richie. No Brasil, foi comandado por Karina Bacchi e por Ticiane Pinheiro, que juntas faziam coisas que estavam além de sua realidade.

Quando estreou Simple Life na Record, a Globo ficou em segundo lugar durante o programa inteiro. 

O Aprendiz


Liderado pelo impecável Roberto Justus, o reality show O Aprendiz foi um dos melhores sucessos da Record. Todas as terças e quintas a emissora do bispo derrubava a poderosa Globo que se amargava com o segundo lugar. O programa é uma versão do americano The Apprentice, comandado por Donald Trump, atual presidente dos EUA.


No Brasil, O Aprendiz teve 10 edições, entre encontrar um profissional dos negócios para trabalhar Roberto Justus, como sócios, universitários e celebridades. Além do Justus, o reality show foi apresentado por João Dória em duas edições - nada que chegue aos pés oito edições impecáveis apresentadas por Roberto Justus e suas amedrontadoras demissões.


"Você está demitido!" 

Mulheres Ricas


A Band mais uma vez surpreendendo com ótimos reality shows. Neste, cinco mulheres ricas brasileiras mostram como é a sua bem vivida vida de luxo e ostentação do poder e influência. A primeira edição foi ao ar em 2012 com a participação de Val Marchiori, Narcisa Tamborindeguy, Lydia Sayeg, Brunete Fraccaroli e Debora Rodrigues.


A segunda temporada do Mulheres Ricas aconteceu em 2013, teve a participação de Aeileen Varejão, Andréa de Nóbrega, Cozete Gomes, Mariana Mesquita, Regina Manssur e das veteranas Narcisa Tamborindeguy e Val Marchiori, para dar um up certo na edição.


Está na hora de a Band encerrar este hiato e lançar nova temporada.

De Férias com o Ex


A MTV é cheia dos reality shows com jovens bonitos e sarados sarrando legal, mas nenhum foi tão bom e fez mais sucesso dentro e fora da televisão quanto a versão brasileira, bem como neste blog, quanto De Férias com o Ex.

Vale a pena conhecer mais sobre esse reality show noutro post.

MasterChef Brasil


Falando em programa de sucesso na Band, o reality show de comida MasterChef é líder! Nenhum outro consegue ser tão bom quanto a atração comandada por Ana Paula Padrão, com a ajuda dos chefes de cozinha Érick Jacquin, Paola Carosella e Henrique Fogaça.

MasterChef é uma competição culinária que está em sua quarta temporada. Assim como outros realitys, essa é uma franquia de fora e a versão australiana é a mais assistida no mundo. No Brasil, o programa estreou em 2014.

Power Couple Brasil


A versão brasileira da famosa competição de casais é atração da Record e atualmente está sendo um dos maiores sucessos da televisão brasileira. O programa apresenta a vida de oito casais de celebridades em uma casa enfrentando desafios extremos que testam quão bem eles realmente se conhecem. A cada semana, um casal é eliminado até que o último casal vence o dinheiro acumulado durante o programa.

Power Couple Brasil está em sua segunda temporada, sendo comandada por Roberto Justus na Record. A atração estreou em 2016 na televisão brasileira.


Desde o início da televisão que as novelas teve reinado nas telinhas dos brasileiros, mas há muito tempo, os reality shows teve ganhado um bom espaço e liderado na opinião do público como a atração mais pop da televisão brasileira. Quem sabe se daqui há alguns anos esse tipo de atração não se torne o favorito do telespectador brasileiro?
Se gostou desta publicação e curte os artistas aqui citados, compartilha com seus amigos e segue este blog nas redes sociais. Aqui tem o conteúdo mais pop da internet. Continue acessando!!!

Comenta aí...

Compartilhe

Olha isso...

Anterior
« Mais posts
Proximo
Outros posts »