Como poderia ser o RuPauls Drag Race Brasil

Já pensou que drags poderia ser participantes do RuPaul's Drag Race Brasil? Se tivesse uma versão brasileira do reality show de drags, claro... Neste post trago alguns nomes e rostinhos bonitos de drags brasileiras que possuem charisma, uniqueness, nerve and talent, para ser a mais nova drag superstar.


Para os leigos: drag é a arte em que pessoas se transformam em mulheres extravagantes para se apresentar como personagens caricatas, artistas musicais ou cover de celebridades. Antigamente o termo era mais conhecido como drag queen, e era mais comum ver homens se vestindo de mulher e trabalhando como performers ou hostess em festas e eventos, porém, hoje existem muitas mulheres que se transformam em drag.

O reality show RuPaul's Drag Race desde que estreou na TV americana vem dissipando preconceitos em relação a esta profissão e arte, como tem ajudado a revelar grandiosas artistas para o mundo e incentivar o surgimento de novas drags.

Se no Brasil tivesse uma versão brasileira do RuPaul's Drag Race, gostaríamos que ele fosse assim:

A apresentadora

Muitos ficam em dúvida de quem poderia ser a apresentadora do RuPaul's Drag Race no Brasil, entre as candidatas mais cotadas, aparecem nomes da Silvetty Montila, Nany People, Paulo Gustavo, Preta Gil, entre outros, mas ninguém se compara a poderosa RuPaul. Seria um desafio enorme para a überdrag, mas com certeza ela seria capaz de encarar o português e realizar uma versão ao mesmo nível da atração americana. Mas para deixar o negócio bem brasileiro mesmo, acho que a apresentadora da corrida das drags no Brasil podia ser a Claudia Raia. Por que não, Claudia Raia Drag Race?

A atriz Claudia Raia é também uma ótima performer e cantora. Tem beleza, talento, força e carisma para encarar essa competição. "And made the best woman, win!"

Como jurados, podíamos ter uma drag de estrada como Nany People e um blogueiro como Hugo Gloss. Deixando a bancada aberta para novos convidados como na versão americana.


Preta Gil poderia ser figurinha marcada como Chaz Bono, que sempre aparece no RuPaul's Drag Race. E por que não Hugo Gloss se lança como cantor como o Todrick Hall? 

As candidatas

Lorelay Fox

A drag YouTuber mais poderosa de todas é mestra em make-up e também performa. Aqui e acolá ainda arrisca umas notas como cantora em suas redes sociais. Mas como a competição testa vários talentos, poderia ser que a titia Lore, sereia, chegasse bem longe. Por que não, ganhar? Lorelay Fox seria aquele estilo de drag de concurso. 

Gloria Groove

Direto da zona leste pra virar dona do mundo, a drag cantora Gloria Groove podia ser uma das participantes do RuPauls Drag Race Brasil. O estilo drag do gueto e cantora podia fazer ela ganhar muitas provas e ser top four.

Pabllo Vittar

O fenômeno Pabllo Vittar também tem suas qualidades e seus defeitos, como todas as outras participantes, mas nada a impediria de ganhar a competição.

Deenjers

As drags burlescas podiam entrar juntas na competição. Elas são carismáticas, bonitas e tem muito talento. Será que isso seria o bastante para ganhar a competição?

Ikaro Kadoshi

A drag Ikaro Kadoshi é aquele estilo sombria e enigmática, que passa um ar de muita criatividade e bom gosto, itens que faz uma drag se sobressair sobre outras.

Aretuza Lovi

Aretuza Lovi tem estilo, talento e também arrasa nos vocais. Na hora do perigo, com certeza se livraria nem que fosse no lipsync. 

Taty Broisler

A drag YouTuber Taty Broisler é feroz e com sua personalidade forte iria tombar as inimigas. Não duvido nada que ela fosse a barraqueira da edição.

Lia Clark

Ela não tem dó, nem piedade, se vacilar é clark boom na certa! O estilo alternativo da drag Lia Clark pode cativar muitos e sua desenvoltura como cantora e dançarina pode ajudar ela ir longe na competição.  

Sarah Vika

Ela arrasa nos tutoriais de maquiagem e no carão. Com certeza tem muito potencial de ganhar a competição das veteranas e favoritinhas do público.

Samantha Banks

A drag Samantha Banks faz a linha do gueto, mas ela é fierce! Nada impede de chegar no Top Five da competição de drags. 

Ivana Wonder

Sabe aquelas que não tem medo de se vestir de feia por que tem segurança de sua beleza? É o caso da Ivana Wonder, que vai de diva a marmoteira. Seu estilo camaleônica poderia ajudar ela a chegar no Top Tree, por que não?

Sarah Mitch

Se a noite é pequena pra Sarah Mitch devorar, imagina participar de uma competição de drags. O lipsync iria ferver com essa drag diva.

O canal

É claro que a versão brasileira do RuPaul's Drag Race deveria passar no SBT, a emissora mais colorida e gay do Brasil. Já que a Globo é quadrada demais e a Record é do bispo que não permite esse tipo de diversidade em sua emissora. Rede TV é só barraco e Band tem uma escala menor de audiência. 


Com certeza tio Silvio Santos diria que são transformistas, por que ele é dessa época, mas o SBT seria a melhor emissora para exibir a versão brasileira de um RuPaul's Drag Race. Há alguns anos, o SBT teve caído na credibilidade do público, com uma atração como esta, poderia ser que desse um up na emissora.

Muitos dirão que a Globo é a melhor, que já abre portas para a metade dessas drags e blá, blá, blá. Mas conveniamos de entender que a Globo é fechada pra o universo deles e isso não tem nada haver com liberdade e diversidade. "E ela não merece ganhar esse prêmio..."

"E aí, viado, vai pular pra cima? Vai pular pra cima? Vai ser choque de monstro!" 

Comenta quem você acha que deveria estar fora ou dentro desta lista de drags para participar do RuPaul's Drag Race Brasil.
Se gostou desta publicação e curte os artistas aqui citados, compartilha com seus amigos e segue este blog nas redes sociais. Aqui tem o conteúdo mais pop da internet. Continue acessando!!!

Comenta aí...

Compartilhe

Olha isso...

Anterior
« Mais posts
Proximo
Outros posts »