WhatsApp é bloqueado pela justiça brasileira

Você entrou no WhatsApp nessa manhã, mandou mensagem e ninguém respondeu? Não foi sua conexão de internet que falhou e nem um ataque zumbi que matou todos os seus contatos ao ponto de eles não te responderem, mas sim, a justiça brasileira que mandou bloquear o WhatsApp por um período de 48horas.


O zapzap saiu do ar por determinação da 1ª Vara Criminal de São Bernardo-SP desde a noite de quinta-feira 16/12 pra quem estava usando dados móveis e no início desta sexta-feira 17/12 pra todos os brasileiros que estavam conectados ao wi-fi.

O motivo pelo bloqueio do WhatsApp não foi divulgado claramente pela justiça por que se trata de um caso confidencial, mas rumores afirmam que esta medida está relacionada com a continuação de um processo contra um único homem preso em 2013 - acusado de ter trazido cocaína da Colômbia e maconha do Paraguai - mas que foi solto por conta de um habeas corpus - que o liberou para responder o processo em liberdade - já que o juiz não encontrou provas de incriminá-lo.

Na época, o juiz pediu para Mark Zuckerberg para investigar as contas do Facebook e WhatsApp e o pedido foi negado, principalmente por que se trata de proteger os dados pessoais dos seus usuários e fazendo valer o livre arbítrio que cada um possui ao utilizar a internet. E é aqui que entra o tal do Marco Civil da Internet, protelando leis que se aplicam ao homem quando o assunto for suas atutudes e atos na internet.

Como o juiz de São Bernardo-SP não teve poder suficiente para ter acesso aos dados da empresa americana do Mark Zuckerberg, ele resolveu atacar as empresas brasileiras de telefonia para exigir o bloqueio do whatsapp. E por esse motivo, a Oi entrou até com um habeas corpus para tentar restabelecer o acesso ao zapzap. Segundo defesa dos advogados da Oi, o Marco Civil da Internet isenta provedores de serviços de telecom da responsabilidade sobre atos cometidos por terceiros, então, essa determinação do juiz em bloquear o WhatsApp é desproporcional e ilegal.

A Vivo, além de bloquear o WhatsApp por decisão da justiça, ainda bloqueou o Facebook e o Instagram. Não se sabe se por medo da justiça, erro técnico ou doidera mesmo.

Mark Zuckerberg lamenta a atitude da justiça brasileira e confessa - indiretamente - que a culpa é sua por conta deste bloqueio junto às operadoras quando ele disse estar "chocado" com os seus "esforços em proteger dados pessoais poderiam resultar na punição de todos os usuários brasileiros do WhatsApp pela decisão extrema de um único juiz."

No final das contas, a geral uma hora dessas já aprendeu a burlar o bloqueio do WhatsApp utilizando a VPN do celular, baixando Telegram, usando Skype, Viber, WeChat, torpedo de celular... E por aí vai. Existem muitas formas de se comunicar com quem você gosta.

Mas também, existem diversas coisas que você pode fazer em 48h sem usar o WhatsApp, como por exemplo, continuar lendo este blog. ;-)
Se gostou desta publicação e curte os artistas aqui citados, compartilha com seus amigos e segue este blog nas redes sociais. Aqui tem o conteúdo mais pop da internet. Continue acessando!!!

Comenta aí...

Compartilhe

Olha isso...

Anterior
« Mais posts
Proximo
Outros posts »